segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

A PERSONALIDADE IDEALISTA



Para uma família ter um filho com personalidade idealista precisa, na prática, ter dois filhos no mínimo do mesmo sexo.
Se o primeiro filho homem e a primeira filha mulher são pragmáticos, os outros filhos são idealistas.
O idealista não tem o apoio mental telepático que o pragmático possui. Sentem-se sem apoio, sem uma ligação mental mais forte com alguém, pois não goza da relação telepática subconsciente ao ingressar no cenário da existência, por isso experimenta um sentimento de rejeição, sente-se inseguro, sente uma necessidade maior de ser valorizado, amado, compreendido.

Quando se fala em rejeição não queremos dizer que todos os filhos idealistas foram rejeitados. É que o ser humano com esse tipo de personalidade percebe-se assim, como um vazio, um estranho, sozinho, mesmo estando rodeado de muitas pessoas. E se questiona: “será que sou capaz? Será que vai dar certo?” Na relação com os outros: “Será que gostou de mim?” Ainda mais se foi esperado de um sexo diferente do que nasceu.

Por se sentir inseguro, o idealista tem uma necessidade muito grande de chamar a atenção. Pode oscilar facilmente nos dois extremos: ou agrada ou agride. E tudo isso são conseqüências das reações automáticas do subconsciente.

O idealista sem apoio telepático volta-se para o mundo interior, para a introspecção, é mais coração do que razão.
 Características da Personalidade Idealista
- Tem sentimento de rejeição, não aceitação;
- Carente afetivo, inseguro;
- Romântico, sonhador, idealizador;
- É inconformado com o mundo real, cria e sonha um mundo ideal, perfeito, feliz para todos;
- Pensa muito nos outros;
- Necessita maior aprovação – ser aceito, ser valorizado;
- É mais voltado para a filosofia, a religião e as ideologias;
- É mais importante o ser , que o ter;
- Tem a sensação de não ser amado;
- É sensível, emotivo, subjetivo;
- Quer tanto agradar que se deixa explorar (ou pode agredir com a mesma força);
- Tem dificuldade de dizer NÃO aos outros;
- É perfeccionista, tem medo de errar;
- É indeciso, é inconstante;
- Desiste com facilidade;
- Detesta rotina, deixa tudo para a última, chegando a ser displicente;
- Desorganizado;
- Apresenta estado de ânimo instável; rapidamente vai do entusiasmo ao profundo desânimo, tem altos e baixos emocionais;
- Tem muita pena dos outros: pessoas, animais ou plantas - na verdade, é pena de si que transfere aos outros;
- Perdoa, desculpa, compreende e acredita com facilidade;
- É, às vezes ingênuo, não vê maldade nas pessoas e deixa-se enganar;
- Quer ser amigo de todo mundo; medo de não ser aceito;
- Paga a conta dos amigos em festas e encontros, isso lhe dá prazer;
- Fica desapontado quando precisa de ajuda e ninguém aparece: “esqueceram de mim”;
- É um artista nato, pois é sensível, criativo;
- Quer mudar o mundo, sofre pelos problemas do mundo;
- Vive no mundo das idéias, sonhador;
- Tem imaginação muito intensa;
- Pensa, pensa, fala, fala e não faz o que diz;
- Tem dificuldade em agir, pôr em prática, fazer;
- É mais otimista e empolgado, se positivo: “Acredito que meus objetivos serão alcançados”.
- É amarrado, lento, condescendente;
- É cooperativo, democrático, apaixonado;
- É instável; ora agrada, ora agride;
- É observador subjetivo: pinta a situação conforme seus sentimentos;
- É detalhista.

Para viver neste real, as pessoas de personalidade idealista precisam montar estratégias de ação, ter objetivos claros e perceber que o mundo tão sonhado precisa ser concretizado.

Segundo a posição na sequencia familiar, o idealista pode assumir cinco papéis básicos que podem ser desempenhados visando chamar a atenção e buscando ser valorizado, percebendo sua presença conta e é importante.

Esses papéis é que lhe darão a garantia de que não será esquecido e que suas necessidades de sobrevivências serão satisfeitas. Essa certeza é necessária para seguir tranquilo a caminhada da existência.

O cinco papéis que o idealista pode assumir conforme a necessidade, já que para se diferenciar das outras pessoas é preciso chamar a atenção para si mesmo de alguma forma.
Até a próxima!  

23 comentários:

  1. Adriana, estou completamente pasma agora, pq todas essas características sem tirar nenhuma, me descreveu profundamente.
    Isso é uma pesquisa comprovada cientificamente? Poderia me passar mais dados?
    Grata,
    Marcela
    marcelagmelo@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcela!



      É uma pesquisa feita pelo Sistema Grisa que existe desde 1984. O prof Grisa mentor do Sistema defendeu essa tese numa universidade em Paris...

      Caso queira saber mais sobre o sistema acesse: www.ipappi.com.br



      Que dados mais gostaria de saber?



      No aguardo! OBrigada!

      Não esqueça que somos um conjunto de programações: Vida intrauterina, processo de nascimento, rejeição de gestação, ser de um sexo e ser esperado de outro, infância, adolescência, leis cósmicas e etc...

      Somos únicos Marcela!!! Vc tem programações individuais que influenciam em tudo na sua vida...

      Só fazendo a análise da sua tabela familiar para identificar melhor!

      Excluir
  2. Por favor é mesmo possível reprogramar a mente? Posso mudar as características da Personalidade Idealista. Nossa todas essa características identifiquei em minha personalidade. E, não quero ser assim. A principal e mais prejudicial é que realmente permito que me explorem. Pode ajudar? Adoro ler e estou disposta a mudar. O que posso ler? Grata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É possível reprogramar a mente sim! O parapsicólogo do Sistema Grisa pode te ajudar nisso. Também é possível através de técnicas trabalhar as características de personalidade. O que te indico para leitura são 2 livros do Sistema: Liberte Seu Poder Extra e O Jogo e a Estrutura das Personalidades de autoria de Pedro Antonio. Procure ler primeiro Liberte Seu Poder Extra, ok?

      Excluir
    2. Mudar?... sou um INFP, os INFPS dão ao mundo algo que ele precisa,alma... ter vergonha não é o caminho, achar que suas caracteristicas são tudo de ruim tb não... os INFPs tem uma coisa que se destaca em qualquer personalidade, a capacidade de sentir com força e alma as coisas... A única coisa que vc teria que "mudar" seria a falta de coisas feitas na pratica, pois são nossas atitudes que nos deixarao mais perto de nosso mundo perfeito... lembre se: "O mundo não é Perfeito, mas perfeito pode ser seu esforço para tentar muda lo"...

      Excluir
    3. Isso mesmo! E a partir do momento que algo incomoda e há o desejo de mudar é totalmente possível!

      Excluir
  3. Sou borderline e sofro muito com minha personalidade.
    Odeio ser tão vulnerável e admiro pessoas com personalidade forte e tenho vontade de ser melhor ou igual á elas como é possível reprogramar uma pessoa assim ?
    Mesmo com tanta instabilidade ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Através de técnicas a partir do momento que se mudar mudar é possível sim!

      Excluir
  4. Incrível como a descrição mostra muitas características nas quais me enquadro. Sou idealista sim, Só que vejo isso como algo positivo. E me sinto assim por causa da minha profissão, da minha formação. Sou assim porque não me conformo em ver coisas erradas principalmente, descuidos na área ambiental praticados pelos próprios profissionais da mesma. Vejo as consequências, sofridas por muitas pessoas. Meu ideal é apenas conseguir mostrar o que sei, orientar e oferecer alternativas. Só que sempre dependo de superiores que negligenciam. Como adequar meu idealismo à realidade,sem que eu sofra e sem praticar a prevaricação?

    ResponderExcluir
  5. sou da personalidade idealista mas nem tudo me descreve ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As características descritas é uma tendência, não necessariamente uma cópia fiel, precisa fazer a análise para entender pois o ser humano é muito único!

      Excluir
  6. Fui adotado de nascença. Não conheço meus pais biológicos e nao sei onde estão. Como saber o quanto desse abandono/rejeição afeta meu sofrimento com a realidade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Edu! Para saber o quanto afeta só conhecendo quais das consequências desse abandono podem estar presentes ou incomodando na sua vida atualmente. A pessoa adotada estabelece laços telepáticos com a família que o adotou. Nessa família você tem mais irmãos? Quantos homens? Quantas mulheres? Quem é o mais velho(a)?

      Excluir
  7. Fico até com medo de ser assim, exatamente tudo que sou. Triste.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisa ficar triste Kelly. A personalidade idealista é riquíssima, identificando suas programações do seu subconsciente é possível reprogramá-lo para vc perceber que não há problema algum em ser idealista!!

      Excluir
  8. Nossa sou totalmente assim,e confesso que muitas vezes sofro com isso,vejo tanta inteligência empregada na minha pessoa,e ao mesmo tempo um vazio que me consome!Sem contar a sensação que estou desagradando os outros o tempo todo,a dificuldade de fazer amizades sólidas,as vezes é difícil ser assim dói demais !! obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Geraldo! Se isso te incomoda pode buscar ajudar para mudar! Também nasci nesse tipo de personalidade e já sofri muito! Depois das técnicas de programação e reprogramação mental me sinto outra pessoa! Você também pode!

      Excluir
    2. Por favor me ajude, eu sou assim e tudo que eu quero e preciso na minha vida é mudar

      Excluir
    3. Oi Isa! Favor enviar e-mail para adriana.parapsicologa@gmail.com

      Excluir
  9. Estou abismado como que o perfil idealista me descreve, Não tenho a mínima Duvida que sou um Idealista de sangue puro. rsr.

    Apenas uma indagação. Na primeira parte fala que os Idealistas só nascem se forem dois filhos do mesmo sexo ou a parti do segundo, no caso familiar, porém, tenho um irmão que nunca o conheci por parte de pai, sou o segundo filho por parte de pai, a minha mãe só possuí a mim, a questão que fica e que no texto fala-se de uma ''questão familiar'' e eu não tive uma criação familiar com meus irmãos, apenas sou o segundo filho do meu pai. Poderia me esclarecer sobre essa duvida? Agradeço.

    ResponderExcluir
  10. Gustavo, de acordo com Siste Grisa, vc é pragmático, por ser filho único de sua mãe, com elo mental com ela. Porém, com fortes características de idealista.

    Filho único - assume papel do múltiplo filho!!

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir